Crowdfunding para músicos: saiba como financiar seu trabalho

Cultura Crowd Out 25, 2021

Se você chegou até aqui é porque está buscando uma possibilidade de viver da sua música ou começar a ter retorno financeiro com ela, certo?

Se sim, boas notícias. O crowdfunding é um caminho bastante assertivo para que você consiga realizar ou ampliar os seus projetos.

Não, não falamos isso da boca para fora. Afinal, tirar projetos do papel é exatamente o que fazemos por aqui. Principalmente, quando falamos de músicos, podcasters, youtubers e afins.

Mas antes de te mostrar esses exemplos, vamos começar do começo.

O que é um crowdfunding?

Essa é uma pergunta bem comum de ser feita. Por isso, já está na ponta da língua: o crowdfunding é um financiamento coletivo.

Isto é, ele se dá através de uma base de apoiadores que acreditam no seu projeto e, por isso, o financiam com doações.

Assim, é possível que você, o(a) fazedor(a) da campanha, possa contar com aquele valor para manter o projeto.

As campanhas podem ser realizadas para uma série de objetivos. Por exemplo, viagens, manutenção de revistas e canais de YouTube, criação de eventos e, no seu caso, por que não, a criação do seu álbum?

Sim, o crowdfunding é para tudo. Para que ele funcione, porém, basta que você consiga unir uma base de apoiadores(as) que acreditem no seu sonho e, portanto, o ajude a tirá-lo do papel.

Para saber mais, você pode acessar O que é Crowdfunding? Saiba como fazer um financiamento coletivo. Por aqui, vamos seguir com as vantagens e desvantagens do crowdfunding.

Vantagens e desvantagens do crowdfunding

É super normal também começar a avaliar as vantagens e desvantagens do financiamento coletivo.

Afinal, parece algo muito simples e fácil para ser verdade, né?

Ora, a vantagem é poder, realmente, de maneira segura e organizada, começar a monetizar o seu projeto. Ou seja, receber por aquilo que você, na maioria das vezes, faz de forma gratuita ou pouco rentável.

A desvantagem do crowdfunding, porém, é que para que ele funcione é preciso de muita disciplina, organização e comprometimento.

Veja que, a maioria das campanhas que deram certo, dependeram de uma página extremamente organizada e comprometida.

Ou seja, com:

  • Clareza na ideia do projeto;
  • Ações de marketing para a divulgação da campanha;
  • Interação constante com a base de apoiadores(as);
  • Criação de recompensas criativas e significativas, em caso de campanhas recorrentes.

Inclusive, sobre as campanhas recorrentes, é interessante que a gente fale mais sobre ela. Afinal, é uma das modalidades mais buscadas por músicos.

microfone em um estúdio de gravação
Que tal um financiamento coletivo para uma gravação profissional em estúdio?

Campanha recorrente é a melhor opção para você

Aqui na APOIA.se, nos orgulhamos em oferecer dois tipos de campanhas de crowdfunding para a nossa comunidade, a campanha pontual e a contínua.

A pontual significa que o seu projeto tem uma data de realização e precisa de uma quantia específica. Por exemplo, um evento, uma viagem. Ou seja, é preciso de um valor X, para uma data Y.

Quando falamos de músicos e artistas, porém, as criações não têm uma data pontual.

Às vezes, estamos falando do trabalho de uma vida inteira, né? Então, o financiamento mais indicado é o Financiamento Coletivo Recorrente.

A campanha contínua, portanto, se dá para você ter condições de receber mensalmente um valor específico para continuar criando o seu trabalho.

Por isso, ela funciona para:

  • coletivo de álbum
  • coletivo de banda
  • coletivo de música
  • coletivo de disco;
  • coletivo de artistas

E muitos outros. Como funciona? Bem, você cria a sua campanha e determina o valor de apoio. Quando um(a) apoiador(a) abraçar a sua causa, ele pagará mensalmente aquele valor.

Assim, você terá a soma de todas as doações mensalmente na sua conta. Tendo, portanto, uma renda mensal para tocar o seu projeto.

Ah, para manter a base engajada e impedir que as pessoas cancelem a assinatura, É comum o envio de recompensas à base.

Que tal lives semanais, lançamento de músicas inéditas, possibilidade de interferir nos clipes ou quem sabe um agradecimento público? Isso pode variar.

Um exemplo claro disso é o crowdfunding que o cantor Ed Motta está realizado aqui conosco.

Nessa campanha, o cantor, compositor e produtor musical brasileiro, une uma base de apoiadores quem admiram o seu trabalho.

As doações são a partir de R$:50,00 mensais e entre as premiações, está a participação em uma live semanal do músico.

Outro exemplo bem bacana que temos aqui na APOIA.se é campanha para a manutenção da Rádio elétrica. Com doações a partir de R$ 10,00, a rádio já soma mais de  148  apoiadore(as), que recebem recompensas como participações em saraus, livros autografados, entre outros..

Sendo assim, respondendo a pergunta que fizemos no título: sim! É uma ótima ideia investir em um crowdfunding para músicos.

Com ele, você consegue criar a sua arte, divulgá-la para o seu público e quem sabe lucrar com isso.

Pense que por meio desse financiamento coletivo, é possível

  • Campanhas pontuais para a gravação de álbuns;
  • Manutenção de canais de YouTube para professores de música;
  • Interação e divulgação de novas canções com o público;
  • Gravação de clipes;
  • Turnês e viagens.

Além de outras ideias que podem surgir no decorrer da campanha.

Enfim, queremos que você conheça mais sobre nós e sobre as modalidades possíveis de financiamento antes de tomar uma atitude.

Por isso, deixamos aqui, gratuitamente o Guia do Financiamento Coletivo Contínuo

Esse é um material bem completo, que traz mais informações sobre esse tipo de financiamento, bem como as opções de recompensa e interação com a base de apoiadores(as).

Então, a missão agora é ler com atenção esse material e entender se o seu projeto se enquadra com esse modelo de financiamento.

Caso tenha alguma dúvida, estamos por aqui torcendo para que o seu projeto saia do papel!

Bruno Laurato

Sou jornalista, escritor e autor do livro “Verde, Amarelo, Azul e Rosa”. Me dedico a pesquisa de história do Brasil, movimentos sociais e cultura popular.

Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.